domingo, 28 de março de 2010

meu cu

Sem paciencia pra gente burra me chamando de preconceituosa porque usei um termo regional para me referir a Stefhany. Bandinho de gente falsamente politicamente correta que diz que sou preconceituosa por usar o termo "baianice" mas, no mesmo comentario, me chama de paulista jeca. Nao que isso me ofenda, mas to sem paciencia para filtrar tanto comentario imbecil.

Desculpem-me se ofendi alguem. Realmente nao foi minha intencao, se digitei essa palavra e porque aqui tenho a liberdade em dizer o que eu penso. Nao mais a digitarei.

Nao tenho nada contra o Nordeste. Alias, so nao tenho nada contra como adoro. Infelizmente nunca pisei em nada mais ao norte do nosso pais do que Rio de Janeiro. Uma pena. Logo, nao adianta dizer que sou uma caipira que invade essa regiao. Invasao e coisa de sem-terra, se viajar a turismo com certeza levarei meu rico dinheirinho a industria turistica de sua cidade.

No mais, pelamor, parem de me bajular no Facebook e na minha caixa de e-mails porque querem dicas sobre namorado paquistanes. Porque quando precisam de dicas sobre visto, viagens e demais procedimentos, sou a melhor amiga de todo mundo, sou suuuper legal. Mas basta usar um termo paulistanissimo e pronto, sou um monstro preconceituoso.

Ja expliquei.

Se, mesmo assim, ainda me acha uma vaca, para de vir aqui, carai. Va plantar uma arvore, ordenhar uma vaca, jogar Farmville, va ler uma cartilha politicamente correta e militar dizendo que a revista "Veja" ofende aos dificientes visuais.

Ate porque tenho uma grande amiga que vive utilizando o termo "paulista" como algo pejorativo e estou longe de me sentir ofendida. Sou inteligente o suficiente para lidar com o humor politicamente incorreto brasileiro. E, tambem, para entender que certos regionalismos nao significam que alguem e escroto. Ate porque a maioria dos gauchos e mineiros que conheco levam seus esteriotipos na boa. Se voce se doeu, me desculpe.

Se vai parar de ler meu blog, bem, cada um com seus pobrema ne amiguinho? Vou dormir na saboneteira. Ate porque tenho novidades muito legais pintando na minha vida e nao vou me calar porque a patrulha politicamente correta chegou.

beijos da turca

14 comentários:

douglas disse...

Pessoas reclamam do sol, tem gente que critica chuva.
Pra esses, se embrular uma Ferrari no absoluto vermelho e lhes dar de presente, ao desenrolar a fita certamente perguntarão: "Não tinha azul?"
Pra quem tem preguiça de entender, qualquer palavra é preconceito.
Bah! Get a life!

Fernando disse...

Turca-libanesa: você é a nossa musa, você é a ABSOLUTA dos blogs. Todo mundo te coloca no blogroll, todo mundo te segue, querida. Quem já leu o seu blog para trás, sabe como você é - e te adora.

Portanto, se reclamarem de você, dá um fora e manda ler twitter de celebridade B e ponto final. O seu blog é do jeito que é: politicamente incorreto. Quem nao entende isso nao tem que ler mesmo.

Bjos,
Boa sorte no fim da TPM
Fer

Alexandre Lucas disse...

1. A Stefhany é BAIANA desde o nome, SIM!;
2. Para o pessoal do Sul/Sudeste baiano ou paraiba é toda essa gente que vota no Lulla e vive de nossos impostos, via Sudene e Sudam e afins;
3. Flávia (KKKKK), ainda bem que nunca foi mais ao norte que o RJ, pois só tem o ES, infestado de bandidos e o resto daquela gente que come bode. Visitei a Bahia e me horrorizei com a falta de capacidade de tratar minimamente bem um turista, mesmo dos taxistas que estavam sendo PAGOS para isso.
4. Se tem algo de que me arrependo, é de ter passado a infância mandando leite em pó para essa corja. Eles por acaso já fizeram o contrário.
5. Desejo muita seca, Renans, Sarneys e Padres Cíceros. DEUS SABE O QUE FAZ!
6. Siga absoluta, turquinha querida (Flávia).

Adso Eco disse...

Muito show seu blog.
E mantenha sua opinião, afinal ela é sua e ninguém pode negá-la a vc.
Apoio tbm, mesmo achando que há maneiras menos preconceituosas de referir-se às regionalidades brasileiras, o que definitivamente não é o caso.
Na música, baianidade nagô, então seria discriminatório?
ACHO QUE NÃO.

Lib disse...

maneiras menos preconceituosas de se refirir a regionalidades brasileiras? daqui a pouco vao me pedir pra chamar baiano de noruegues.

Lib disse...

Alexandre... אני אוהבת אותך ...

Daniel disse...

Engraçado que para paulista, "baiano" é sinônimo de nordestino. Já no Rio é mais comum "paraíba". A gente escolheu um estado mais ao norte, hahahaha.

Aliás, a Stefhany é paulista! ela nasceu em SP e depois se mudou lá pros cafundós do Piauí.

Mas vamos combinar que ela já deu né? Cansei da menininha que vive o sonho da mãe.

Je Romanciuc disse...

ahhhhhhhhhhhmeu!vao tudo tomar nos seus cu!Bando de gente chata!!
Nao gostou vao embora!
Lib,gatissima, adoro-te!Criativa,linda e engraçada fico bem mais leve e risonha qdo venho aqui!!!

Juli disse...

Nem tô sabendo desse babado todo. Uma vez falei para uma baiana que alguma fulana era baianinha...Pra que?Levei tanto esporro. Mas acho um porre o politicamente correto. Meu pai é paraibano, viajo direto para o nordeste e no quesito guarda roupa eles são absurdamente baianos. É fato!

Carol disse...

apoiadissimo! =D
huaauhuaa

RAFAEL disse...

assino embaixo de todo mundo aqui...até pq to com o saco cheio de dizerem que Campinas é cidade de viado...e nem por isso saio por aí clamando justiça...

Continue falando do jeito que vc quiser...e os incomodados que não apareçam mais.

abração

Marcos disse...

Olha, adorei seu "post", como tem gente chata nesse mundo! Esse povinho que fica vigiando o que os outros falam para apontar o dedo... deveriam por o dedo no nariz! Eu falo baianos, assim como falo, que o cara fez uma cariocada no transito... e quando me refiro a (pessoas do sexo feminino que não conheço) digo "tem umas negas ai"... pior é o falso que critica e é mais preconceituoso que qq coisa.
Valeu!

Samantha disse...

Hoje em dia tá complicado... as vezes a gente faz uma piadinha sem má intenção e já nos rotulam de monstra preconceituosa.

No caso de chamar de baiano, como termo pejorativo, explico q é complicado. Você é viajada, educada e ja conviveu com pessoas de diversos locais do Brasil e do mundo. É óbvio q vc não é preconceituosa, e acho ridículo alguém vir te ofender assim. Entretanto, há muitos paulistas que ofendem de verdade, usam "baiano" como ofensa e falam coisas horríveis. Acho que por isso o "trauma" da pessoa, porque logo te associa com o que há de ruim. De forma tosca e precipitada, mas associa.

A Little bit of everything disse...

Disse tudo!!!!
Aqui e seu espaço e vc tem direito de dizer,mostrar e fazer o que quiser.
E depois dizem : Viva a expressao verbal! Vai entender esse povo...#UY!

Template exclusivo para este blog encomendado no Templates da Lua